Telefone: +351 929 261 237

Ribeira do Porto entre os três nomeados portugueses aos “Óscares do Turismo”

 

São dez os candidatos ao prémio de Melhor Atração Turística da Europa 2018 (Europe’s Leading Tourist Attraction). Três são portugueses: a reserva Dark Sky Alqueva, a Ribeira do Porto e os Passadiços do Paiva, Arouca.

Na disputa estão também a Torre Eiffel, a Acrópole de Atenas, a Sagrada Família em Barcelona, o Coliseu de Roma e o Palácio de Buckingham, em Londres.

Portugal é o único país com mais de um candidato.

Os Passadiços do Paiva localizam-se na margem esquerda do rio Paiva, no concelho de Arouca (distrito de Aveiro) e encontram-se no meio de paisagens naturais, santuário e descidas de águas bravas, cristais de quartzo e espécies em extinção na Europa.

O Arouca Geopark foi reconhecido pela UNESCO como Património Geológico da Humanidade.

O Dark Sky Alqueva cobre uma área em torno do lago Alqueva, incluindo concelhos portugueses e espanhóis. O observatório oficial está equipado com telescópios para observação solar e astronómica que permitem uma experiência visual única desde os planetas às galáxias e enxames de estrelas. A iluminação pública foi alterada para se ver melhor os fenómenos do céu.

Junto ao rio Douro, a Ribeira do Porto faz parte do centro histórico da cidade e é Património Mundial da UNESCO. Concentra um alto número de bares e restaurante e tem vista privilegiada para as caves de vinho e para a Ponte D. Luís.

A categoria Melhor Atração Turística da Europa 2018 faz parte dos “World Travel Awards”, conhecidos como os “Óscares do Turismo” e que todos os anos reconhecem e premeiam diferentes segmentos do setor.

As votações decorrem até o dia 20 de maio e podem ser feitas no site oficial dos World Travel Awards.

Nos três últimos anos, a Irlanda foi a grande vencedora, com a Ilha Spike (2017), Titanic Belfast (2016) e Guinness Storehouse (2015).

 

Fonte: rr.sapo.pt

Share this article